Sua versão do navegador está desatualizado. Recomendamos que você atualize seu navegador para uma versão mais recente.

O poder da rede entre as mulheres entre as Mulheres

O Carreira de Mulher iniciou o Ciclo de Capacitação neste dia 11 de abril com o Workshop Networking Feminino – O Poder da Rede entre as Mulheres.

Sandra Choma fez a introdução explicando os objetivos do Carreira de Mulher, a causa que esta sendo considerada e como se pretende evoluir para os resultados de desenvolvimento da carreira para a mulher.

Em seguida Fabiana Milanez Schneider, Consultora de Carreira e Headhunter, responsável pelo workshop explicou sobre a arte de se relacionar, sobre a importância de ser conhecida pelo nome completo, de fazer novos contatos, já que as mulheres fazem menos networking que os homens.

Ela também deu várias dicas para desenvolver a carreira e os negócios através do networking, exercitou com as participantes o mapa de relacionamento e ensinou ações que deve ser evitadas para um networking assertivo.

As participantes realizaram também o exercício Speed Business com a facilitação de Fabiana e treinaram formas de apresentação profissional.

 

Após trabalhar mais de um ano empoderando as mulheres deixamos uma reflexão:  "Nas pesquisas que realizamos nos eventos do Carreira de Mulher identificamos que a maioria das mulheres acredita que fazer networking é importante, mas nos workshops verificamos que a maioria das mulheres que participam e tem uma melhor desenvoltura são as empreendedoras. Eu quando participei do primeiro treinamento de networking me senti perdida na hora de fazer um pitch das minhas habilidades profissionais e isso acontece com muita freqüência no ambiente corporativo com as mulheres. Mas para que possamos crescer no ambiente corporativo temos que ter o nosso pitch pronto. Normalmente as mulheres acham que todos conhecem suas competências e seus resultados mas as pessoas somente irão saber se você contar. Precisamos cada vez mais, além de estarmos prontas para crescer contar que estamos e para isso precisamos ter o nosso pitch pronto".

                                                                                                                    Sandra Choma